Estrelas

Existem estrelas no céu, as admiro na noite escura.

Durante as horas negras é que podemos notar seu brilho.

Varias estrelas juntas compõe uma constelação. Mas todas elas chamam nossa atenção. Estando sozinhas ou juntas, compondo um grupo ou permanecendo como está.

Todas brilham, algumas mais que as outras, outras tão pouco que mal as vemos, outras tanto que ofuscam outras estrelas, mas todas brilham, de uma forma ou de outra.

Entretanto, uma estrela como o Sol tem em seu sistema um planeta chamado Terra, no qual existem pessoas capazes de ser e ter, capazes de amar, de se relacionar, de produzir belezas e maravilhas.

Há estrelas gigantescas, milhares de vezes maior que o sol, cujo brilho é tão forte, que seu calor não suportaria a vida ao redor. Que seu sistema é composto de planetas áridos e estéreis, sem pessoas capazes de criar e sentir, sem nem mesmo vida.

Então, não me deixo enganar pelo seu brilho, e admiro todas, sem preconceito.

Eu e você, todos nós, somos todos estrelas.

Um pensamento sobre “Estrelas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s